Qual o problema com meu “shorts tipo anitta”?

Muitos meninos as vezes, sem mesmo perceber, viram para algumas meninas em situações como por exemplo o final de role onde a gente não sabe como ir embora e falam “mas vocês não podem ir de uber?” e a gente fala “ah meus pais não deixam…” e fica todo mundo naquele clima do tipo “nossa ela não pode andar de uber agora de noite, que menina dependente, não é bom ser assim”, mas na verdade o que acontece não tem nada a ver com dependência, e sim com o fato de que nós não estamos seguras em lugar nenhum, e sim, a gente desconfia de todas as coisas, porque conhecemos inúmeros casos como o que viralizou da adolescente que usava um “shortinho tipo anitta”.

O que na verdade aconteceu foi que a menina, que tem 17 anos, entrou em um uber e o motorista, bem mais velho que ela, começou á assediar. A menina começou a gravar a conversa e postou para mostrar o assédio. O vídeo ficou muito famoso, e ela o denunciou, mas a história não pra por aí, quando o motorista foi questionado ele disse que ela estava provocando com o “shortinho tipo anitta” que ela usava e porque ela sentava com as pernas abertas.

Eu queria saber onde na constituição está escrito que podemos ser assediadas quando sentamos com as pernas abertas, usamos determinada roupa, saímos na rua sozinhas, o horário que saímos na rua, entre outros. Não está escrito isso na Constituição, e sabe porque? Porque isso não é verdade! Não justifica! Isso é crime!

É nosso direito fazer todas essas coisas é triste termos que passar tanto tempo explicando isso e provando a desigualdade e ainda ter gente que não acredita…..

 

 

be the first to comment on this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *