sou filha de um aborto

No nosso belo país

20 milhões de mãe solo

e 5,5 milhões de crianças sem o nome do próprio pai

porque ao mais singelo amor, ele trai

e com o tempo, a ficha cai

e você percebe que não tem um alguém para chamar de

papai

 

existe todo tipo de pai

aquele que sempre faz a mais

e se sobressai

o outro que não sabe o que faz

e so paga a escola, mas some por meses no Uruguai,

aqueles que bancam a presença física,

mas não faz questão de ajudar quando o filho cai

 

o meu pai, ou melhor

o homem que engravidou minha mãe

fez o considerado pior

vazou, sumiu,

tinha um plano de vida maior

onde eu não me encaixava

minha vinda era algo de interesse menor

 

parece triste de se ver

mas é só vivendo para crer

que uma na minha vida ele não tem poder

e por incrível que pareça

eu não quero que ele possa ter

é isso mesmo,

não faço questão dele perto do meu ser

porque a falta que ele deveria fazer

foi suprida por outras pessoas durante o meu crescer

 

traumas foram criados

uma vez, o desejo foi rebelado

mas logo foi cancelado

pela falta de vontade de conhecer um alguém

que uma fez se fez de coração tão gelado,

e se distanciou do amor mais admirado

 

sim, mesmo inconscientes

percebo que sua falta me deixou sequelas

uma carência de algo se fez ausente,

e por isso agradeço,

porque com ela ganhei vários presentes

que me trouxeram um amor eminente

 

e acredite no que vou te dizer

você não tem vontade de conhecer

quem a vida não quis dividir com você,

e pais que decidem não ser pais

não sabem o que tem a perder

 

depois de tudo entender

depois de tudo viver

consigo ver uma luz que se fez crescer

um luz que me fez nascer

e essa luz fez com que eu conseguisse compreender

que não preciso de um pai para vencer

e essa luz meu caro

é a minha mãe,

que soube a todos surpreender

e me criou de um jeito que tenho orgulho de dizer

 

 

 

be the first to comment on this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *